Londrina (43) 3338.5738
Toledo (45) 3378.1202
Passo Fundo (54) 3315.7604
Gotejamento Arroz

Irrigação por gotejamento revoluciona a produção de arroz

Há 50 anos, em Israel, foi desenvolvida uma tecnologia revolucionaria para irrigação das plantações no deserto: a irrigação por gotejamento, neste sistema não há desperdício de água, já que a água é irrigada por gotas, na superfície ou enterrada, gerando uma economia no volume de água que varia de 30 a 50% em relação aos outros sistemas.

Com o início da crise hídrica, no final de 2013, muitos produtores passaram a procurar também a irrigação por gotejamento no Brasil. Diversos setores chegaram a “culpar” a agricultura, questionando o alto consumo de água consumido para a irrigação.

Diante deste cenário, iniciou-se alguns testes também para a produção de arroz com irrigação por gotejamento. A tecnologia vem sendo testada na região de Uruguaiana (RS) nas últimas duas safras e os resultados surpreenderam.

O primeiro ponto, é claro, é a economia de água. Enquanto no sistema de inundação gasta-se 3 mil milímetros de água por hectare, no sistema por gotejamento foi gasto apenas 1 mil milímetros por hectare, uma redução de 66%.

Já a produtividade na área quase duplicou, passando de 7,5 toneladas por hectare para 12 toneladas por hectare.

“O aumento da produtividade se deu pelo melhor aproveitamento da água na área radicular da planta. Com essa tecnologia, é possível fazer fertirrigação, que será melhor aproveitada pela planta já que joga nutrientes diretamente na raiz.” comenta Carlos Eduardo Sanches, gerente da empresa israelense que está trazendo e testando a tecnologia no Brasil.

Com informações de Cenário MT

Laborsolo Laboratórios

A Laborsolo Laboratórios atua a quase 30 anos com Análises Agronômicas. Nosso portfólio é amplo (solo, folha, alimento animal, água, fertilizantes e corretivos) e estamos focado no desenvolvimento de tecnologias que auxiliem no dia a dia do Agronegócio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *