Londrina (43) 3338.5738
Toledo (45) 3378.1202
Passo Fundo (54) 3315.7604
Periodicidade

Periodicidade do Monitoramento Foliar: Quantas análises foliares devo fazer por safra?

– “Quando fazer a primeira análise foliar?”

– “Quantas análises foliares preciso fazer por safra?”

– “Não fiz a análise foliar no V3-V4, posso fazer depois?”

– “Já apliquei os fertilizantes necessários após o resultado da análise foliar, preciso fazer uma nova análise?”

Essas são algumas das dúvidas mais comuns que ouvimos dos nossos clientes e alguns pontos precisam ser esclarecidos, pois são fundamentais para o monitoramento nutricional e aumento da performance da sua plantação.

  1.  Análise Foliar com DRIS (Método utilizado pela Laborsolo para diversas culturas – clique aqui para ver a lista – incluindo soja, milho, trigo, café, cana-de-açúcar, arroz, algodão): com a interpretação pelo DRIS não há ‘época ideal’ de amostragem, as primeiras amostras (soja e milho) podem ser analisadas já a partir de V3-V4. A única restrição são períodos de estresse hídrico, em que não se deve amostrar, como já falamos neste outro artigo.
  2. Quantidade de análises por safra: a quantidade de análises a serem realizadas por safra vai depender principalmente de 2 fatores: (1) intensidade do monitoramento; (2) desequilíbrios encontrados.

A intensidade do monitoramento vai depender da estratégia que foi traçada para uma determinada área, estudos apontam que o ideal seria entre 5 e 6 (sendo realizados novas análises a cada 7 ou 10 dias) até 70 dias após o plantio (soja e milho).

Recomenda-se que sejam realizadas no mínimo 2 análises para verificar se há equilíbrio nutricional, sendo a primeira já em V3-V4.  Havendo desequilíbrios serão necessárias novas análises 7 a 10 dias após a aplicação de cobertura ou suplementação foliar para verificar a existência de novos desequilíbrios.

Se a planta já estiver em equilíbrio, devemos realizar novas análises a cada 7 ou 10 dias, até o estádio R4 (soja) ou R1 (milho), o que dá cerca de 70 dias após o plantio.

Respondendo então as dúvidas mais frequentes:

– “Quando fazer a primeira análise foliar?”

R: A primeira análise pode ser feita a qualquer momento a partir do V3-V4.

– “Quantas análises foliares preciso fazer por safra?”

R: O ideal é fazer um planejamento para a realização de 5 a 6 análises, sendo necessário no mínimo a realização de 2.

– “Não fiz a análise foliar no v3-v4, posso fazer depois?”

R: Sim! Você pode realizar a análise a qualquer momento até o R4 (soja) ou R1 (milho), aproximadamente 70 dias após o plantio.

– “Já apliquei os fertilizantes necessários após o resultado da análise foliar, preciso fazer uma nova análise?”

R: Sim! Após 7 a 10 dias, para verificar se a planta já se encontra em equilíbrio ou se são necessárias novas intervenções.

Importante: Faça da análise foliar o seu principal instrumento de diagnóstico! Ela pode antecipar os desequilíbrios e garantir a segurança da sua safra. Realizar análises apenas após o surgimento de sintomas visuais pode ser tarde demais e irá comprometer o desenvolvimento da planta!

Laborsolo Laboratórios

A Laborsolo Laboratórios atua a quase 30 anos com Análises Agronômicas. Nosso portfólio é amplo (solo, folha, alimento animal, água, fertilizantes e corretivos) e estamos focado no desenvolvimento de tecnologias que auxiliem no dia a dia do Agronegócio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *