Londrina (43) 3338.5738
Toledo (45) 3378.1202
Passo Fundo (54) 3315.7604
Solo Parana

Futuro da agricultura depende dos cuidados com o solo

O Paraná, assim como outros estados, está enfrentando ‘sérios problemas’ com a conservação do solo, essa preocupação tem se agravado desde 2012, quando representantes dos produtores acionaram a Secretaria Estadual da Agricultura e do Abastecimento (Seab) em busca de apoio para uma reversão.

De acordo com a Secretaria da Agricultura, 30% dos cerca de 6 milhões de hectares cultivados no Paraná necessitam de intervenção imediata, o que já pode estar impactando na produtividade do estado.

Para o engenheiro agrônomo e conselheiro do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Paraná (Crea-PR) Orley Jair Lopes, os agricultores estão pensando no hoje e esquecendo das próximas safras. “A situação é bem crítica. Com a quantidade de nutrientes retirada hoje, não será possível ter a mesma renda daqui 10 anos”.

Os especialistas apontam para três fatores críticos: o uso incorreto do Plantio Direto, o cultivo de três safras por ano e a eliminação das curvas de nível e os populares murundus, por entenderem que atrapalham os trabalhos das máquinas agrícolas. “Sem isso, não há nada que contenha a água da chuva, que leva ladeira abaixo nutrientes com a erosão”, aponta José Tarciso Fialho, assessor técnico da Seab.

A Seab lançou em 2013 o programa Plante seu Futuro, em parceria com o setor privado, onde realiza ações permanentes de capacitação de boas práticas agrícolas. O programa deve ganhar novas unidades neste Ano Internacional dos Solos.

Segundo os especialistas, o solo do Paraná que já foi referencia nacional passou por muitas transformações nos últimos 10 anos.

Para comportar as máquinas agrícolas maiores e mais pesadas muitos produtores nivelaram rampas que haviam sido construídas para controle da erosão hídrica em terrenos inclinados.

A expansão da soja também estaria contribuindo para a degradação do solo, a diminuição da rotatividade com milho estaria limitando a nutrição do solo, também estaria ocorrendo o plantio com solo muito úmido, favorecendo a compactação do solo e criando aberturas que podem estimular a erosão.

O que você tem feito para conservar o solo de sua propriedade?

Laborsolo Laboratórios

A Laborsolo Laboratórios atua a quase 30 anos com Análises Agronômicas. Nosso portfólio é amplo (solo, folha, alimento animal, água, fertilizantes e corretivos) e estamos focado no desenvolvimento de tecnologias que auxiliem no dia a dia do Agronegócio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *