Estiagem Solo

Quer evitar perdas com estiagens? Faça o manejo adequado do solo!

Este ano a estiagem foi importante em 2 momentos: atrasando o plantio de verão (setembro e outubro) e agora durante o desenvolvimento da safrinha (que já estava atrasado). O atraso no plantio não apresentou um impacto tão grande na produção, já que no restante do período o tempo foi um aliado do produtor, mas agora na safrinha as perdas estão preocupado.

E como você, produtor, pode se preparar para evitar essas perdas?

Apesar de parecer impossível, já que se trata de um evento climático no qual não temos controle, evitar as perdas pode ser mais simples do que parece.

O segredo está na correção do solo!

Isso mesmo! Vamos ver o porque:

Um solo SEM CORREÇÃO QUÍMICA pode apresentar acidez, salinidade e alumínio tóxico, isso impacta diretamente no enraizamento das plantas, impedindo que elas se aprofundem. Com uma menor profundidade, as raízes têm à disposição menos nutrientes (devido as condições químicas do solo) e também menos acesso à umidade, que fica retida nas camadas inferiores do solo, sofrendo assim as consequências da falta de água e do excesso de calor.

Um solo SEM CORREÇÃO FÍSICA pode apresentar compactação, que da mesma forma, impede o aprofundamento das raízes. Também pode apresentar lixiviação e erosão, reduzindo a disponibilidade de nutrientes (matéria orgânica e adubos), além de dificultar a penetração da água no solo.

O que acontece se o solo for corrigido de forma adequada (através de diagnóstico e recomendações personalizadas)?

Um solo que passa por um diagnóstico correto da fertilidade (química e física) considerando o perfil do solo (variando de 40cm a 120cm – de acordo com a cultura) permite que as raízes das plantas alcancem maiores profundidades, onde podem ter acesso à água, além de garantir um melhor aproveitamento dos fertilizantes (veja este outro artigo sobre a relação de eficiência dos fertilizantes e correção do solo).

Quer ver um exemplo? Essa foto foi tirada pelo Eng. Agrônomo Felipe Domansky, em uma propriedade de Tamarana, após 48 dias de estiagem.

 

Fale com seu Engenheiro Agrônomo, faça já a análise de solo e prepare-se para a safra 2018/2019. E o mais importante: se não houver estiagem, você ainda terá ganhos de produtividade!

Laborsolo Laboratórios

A Laborsolo Laboratórios atua há 30 anos com Análises Agronômicas. Nosso portfólio é amplo (solo, folha, alimento animal, água, fertilizantes e corretivos) e estamos focado no desenvolvimento de tecnologias que auxiliem no dia a dia do Agronegócio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *