Londrina (43) 3338.5738
Toledo (45) 3378.1202
Passo Fundo (54) 3315.7604
Podcast14

Podcast Laborsolo: #14 – E a fertilidade do solo? Como fica?

O assunto desta Corneta do Agro é a ansiedade do produtor rural, que cada vez busca aumentar o número de safras no ano. Recentemente publicamos uma noticia no Labor News que tratava do aumento da procura por cultivares de ciclo curto. Sementes de soja com ciclo de 100 a 110 dias, que permitem a safra de verão de outubro a janeiro, safrinha de janeiro a abril e o plantio da safra de inverno. Na noticia falam ainda no adensamento no plantio, passando para 18 plantas por metro linear. No comentário desta notícia o Dr. José Carlos Vieira falou sobre o desequilíbrio ecológico que essa decisão pode acarretar e neste podcast abordamos a questão da fertilidade do solo.

Dr. Vieira, começa o podcast comentando que a princípio não haveria problema em plantar soja sobre soja, trigo sobre trigo, ou qualquer outra cultura cultivada em sequência. Isso seria um problema de equilíbrio ecológico, visto que permite a proliferação de nematóides e demais pragas.

Desde a década de 1970/1980, apreendeu-se que a rotação de cultura traz alguns benefícios, principalmente para solos com fertilidade mais baixa, que promove uma certa recuperação do solos, além de trabalhar as culturas de forma a equilibrar o consumo de minerais destes solos.

Essa preocupação com pragas, nematóides e com a escolha da cultura de “safrinha” é muito intensa no Brasil, e praticamente inexistente na Europa e Estados Unidos, principalmente pelo fato de nestes países ocorrer um inverno muito mais rigoroso, que elimina, muitos destes problemas, com o período em que estas áreas permanecem vazias em virtude da neve.

A preocupação também deve envolver a fertilidade do solo, principalmente, porque com a plantação de soja sobre soja, ou milho sobre milho, é que as safras subsequentes irão esgotar os mesmos recursos minerais do solo, e com o plantio de 3 safras subsequentes, não sobra tempo para a manutenção do solo, degradando ainda mais o solo, esgotando seus minerais, sem reposição ou possibilidade de recuperação destas áreas.

Ouça, compartilhe e comente!

Laborsolo Laboratórios

A Laborsolo Laboratórios atua a quase 30 anos com Análises Agronômicas. Nosso portfólio é amplo (solo, folha, alimento animal, água, fertilizantes e corretivos) e estamos focado no desenvolvimento de tecnologias que auxiliem no dia a dia do Agronegócio.

Este post tem um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *