Londrina (43) 3338.5738
Toledo (45) 3378.1202
Passo Fundo (54) 3315.7604
Podcast Laborsolo: #22 - Análise Química Do Solo

Podcast Laborsolo: #22 – Análise Química do Solo

No podcast 22 conversamos com o Dr. José Carlos Vieira de Almeida sobre a importância da Análise Química do Solo agora que estamos chegando à época do plantio da Safra de verão 2014/2015.

O Dr. José Carlos destaca que a maioria dos produtores realizam suas análise apenas em agosto, setembro e outubro, focando apenas na solicitação dos bancos para financiamento da safra, mas que a preocupação já deveria ter começado em junho e julho, com tempo suficiente para se fazer uma calagem, elemento que apresenta maior deficiência nos solos brasileiros. Destaca também que muitos produtores já compraram fertilizantes antecipadamente, sem saber qual será a real necessidade da sua lavoura.

A análise de solo serve para avaliar apenas os cátions, ou seja, para verificar a necessidade de correção: pH, cálcio, magnésio e com menor confiabilidade o fósforo, não para fazer de fato a fertilização do solo, ligando a adubação com a produtividade, o que nem sempre é verdadeiro, muitas vezes utilizando adubos desnecessários, visto o manejo anterior da área.

A adubação com NPK, realizada anualmente, não reflete a realidade brasileira, sendo que o problema maior dos solos brasileiros é o cálcio e o magnésio, o que reflete na saúde da planta, que fica mais suscetível a doenças e pragas.

O Dr. Vieira também reflete sobre a análise de semente e de fertilizantes, que é pouco realizada pelo produtor. Ele irá se preocupar com a qualidade da semente e do fertilizante após o uso, quando já não é possível mais realizar nenhuma ação, restando apenas a conta de fertilizante e a baixa produtividade.

Laborsolo Laboratórios

A Laborsolo Laboratórios atua a quase 30 anos com Análises Agronômicas. Nosso portfólio é amplo (solo, folha, alimento animal, água, fertilizantes e corretivos) e estamos focado no desenvolvimento de tecnologias que auxiliem no dia a dia do Agronegócio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *