Londrina (43) 3338.5738
Toledo (45) 3378.1202
Passo Fundo (54) 3315.7604
Serie Projecoes Milho

Série Projeções do Agronegócio: Milho (2014/2015 a 2024/2025)

Série de Artigos: Série Projeções do Agronegócio (2014/15 a 2024/25)

Continuando a Série Projeções do Agronegócio, hoje abordaremos as perspectivas do Milho para o período de 2014/2015 a 2024/2025, lembrando que os dados são do Estudo Projeções do Agronegócio da Assessoria de Gestão Estratégica do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (AGE/Mapa) e usam como parâmetros os dados de 1994 a 2014.

A previsão de produção de milho no Brasil neste ano de 2014/15 está estimada em 79,0 milhões de toneladas. (Conab, 2015). Desse total, cerca de 48,0 milhões correspondem ao milho de segunda safra. Para 2024/25 a produção projetada é de 99,8 milhões de toneladas. No Mato Grosso e Paraná, maiores produtores, as áreas de soja liberam espaço para o plantio do milho. No Mato Grosso geralmente planta-se a soja por volta de 15 de setembro e colhem em Janeiro para em seguida iniciar o milho de segunda safra. O limite para esse plantio é fevereiro porque os riscos de perdas com a estação seca são grandes se for ultrapassado esse período.

O consumo interno de milho que em 2014/15 representa 69,6% da produção deve reduzir-se nos próximos anos para 65,3%. As exportações devem passar de 21,0 milhões de toneladas em 2015 para 31,7 milhões de toneladas em 2024/25. Para manter o consumo interno projetado de 65,2 milhões de toneladas e garantir um volume razoável de estoques finais e o nível de exportações projetado, a produção projetada deverá situar-se em pelo menos 99,8 milhões de toneladas em 2024/25. Segundo técnicos que trabalham com essa cultura a área deve aumentar mais do que está sendo projetado e talvez se aproximar mais do seu limite superior de crescimento que é de 21,4 milhões de hectares.

As projeções apontam estimativas de produção, consumo interno, exportação e área plantada, como mostra o infográfico a seguir.

Laborsolo Laboratórios

A Laborsolo Laboratórios atua a quase 30 anos com Análises Agronômicas. Nosso portfólio é amplo (solo, folha, alimento animal, água, fertilizantes e corretivos) e estamos focado no desenvolvimento de tecnologias que auxiliem no dia a dia do Agronegócio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *